Sobre o Instituto

O Instituto ABCD é uma organização social sem fins lucrativos que se dedica, desde 2009, a gerar, promover e disseminar conhecimentos que tenham impacto positivo na vida de brasileiros com dislexia.

Atuamos em parceria com gestores públicos, educadores, pesquisadores, universidades e outras organizações para construir políticas e práticas educacionais que proporcionem a aprendizagem nas salas de aula de todo Brasil.

Estamos em permanente processo de inovação, continuamente investigando novos conhecimentos para responder aos desafios de um mundo em constante transformação.

Acreditamos que todos aprendem.

Missão & Visão

Garantir que pessoas com dislexia tenham acesso a informações e ferramentas para desenvolver as competências acadêmicas, sociais e emocionais necessárias para prosperar na escola, no trabalho e na vida.

Ser referência em dislexia, contribuindo para uma sociedade mais justa e inclusiva.

Objetivos

Informar e sensibilizar a sociedade civil e o poder público para monitorar a regulamentação e implementação de políticas públicas que permitam que a pessoa com dislexia tenha acesso a oportunidades de desenvolvimento integral.

Gerar e disseminar conhecimentos que possam promover melhores práticas de identificação e intervenção direcionadas à pessoa com dislexia.

Estabelecer parcerias com outras organizações, nacionais ou internacionais, para a formação de uma rede de atenção integral à pessoa com dislexia.

Aprimorar a qualidade da educação de modo que as diversas necessidades dos alunos sejam atendidas.

Equipe iABCD

Danielle Santos

Gerente de Projetos

Felipe Saraiva

Mobile Developer

Fernando Tanaka

Desenvolvedor Backend

Igor Evangelista

Suporte Técnico

Julia Braga

Gerente de Produtos e Desenvolvimento

Juliana Amorina

Diretora Presidente

Nicolas de Camaret

Diretor Executivo

Rodrigo Moser

Designer UI/UX

Victor Sousa

Mobile Developer

História do Instituto

2009
2010
2011
2012
2013
2014
2015
2016
2017
2018
2019
2020

2009

IDIS
Início do planejamento das atividades do Instituto ABCD.

Fundação
Em 2 de março de 2009, é realizada em São Paulo a assembleia de fundação do iABCD.

Início das atividades
Em dezembro de 2009, começam as atividades do iABCD.

2010

PL 7.081/10
Começa a tramitar na Câmara Federal o projeto de lei (PL) federal que dispõe sobre o diagnóstico e o tratamento da dislexia e do transtorno do déficit de atenção com hiperatividade na educação básica. O iABCD tem importante participação, contribuindo na elaboração do texto do PL.

2011

Centros de Referência
Selecionados por edital, cinco Centros de Referência (CRs) recebem apoio técnico-financeiro do iABCD para estruturar e ampliar o atendimento a crianças e jovens com dislexia. iCEFAC – Saúde e Educação, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp) – Botucatu e Marília, Faculdade de Medicina do ABC (FMABC), Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSC SP).

Programa comunitário
O Programa de Centro Integrado de Atenção à Dislexia (CIAD) seleciona os municípios paulistas de Campos do Jordão, Caraguatatuba e São Roque para a implementação de um projeto integrado entre suas secretarias da Educação e de Saúde e um grupo articulador local.

2012

Programa Todos Aprendem
Instituto ABCD lança seu primeiro programa voltado exclusivamente para formação de professores.

Desafio ITA Bits
Em parceria com o ITA Bits, grupo de desenvolvimento de software criado e mantido por alunos de graduação do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), o iABCD lança um desafio para o desenvolvimento de aplicativos que auxiliem na aprendizagem da criança com dislexia. O grande vencedor é o jogo Aramumo.

2013

Orientação para grupos de pais
A cartilha orienta os pais a se organizar em associações para se apoiarem e lutarem pelos direitos do filho com dislexia.

Comitê de Educação
iABCD cria um grupo multidisciplinar de profissionais especialistas na área de aprendizagem, que passam a produzir conteúdos sobre dislexia e a facilitar as formações do iABCD.

Centros de Referência
Os projetos iniciados em 2010 são encerrados, e o iABCD renova o apoio a dois centros (iCEFAC e UFRJ).

Pacto pela Educação no Pará
O iABCD recebe financiamento da UBS Optimus Foundation para a implementação do Programa Todos Aprendem no estado do Pará.

Mapa da Dislexia
O programa é lançado com o objetivo de conectar pessoas relacionadas à causa da dislexia.

2014

Grupo de Pais
O iABCD inicia o movimento de convidar pais para discutir temas relevantes à causa da dislexia.

Programa Adote uma Escola
O iABCD convida parceiros a adotar escolas para oferecer formação de educadores por meio do Programa Todos Aprendem.

Fichas de Atividade
Ampliação do Programa Todos Aprendem, que passa a incluir atividades práticas.

2015

Curso Livre Saúde
Formação para especialistas em dislexia com foco em avaliação e intervenção.

Encontro Virtual do Grupo de Pais
Pais e de especialistas participam de encontros on-line para discussão de temas específicos.

Todos Aprendem EAD
Lançamento do formato on-line do Programa Todos Aprendem em parceria com a Secretaria Estadual de Educação do Estado de São Paulo.

Todos Aprendem – EF II e médio
Conteúdo de formação adaptado para os anos finais do ensino fundamental II e para o ensino médio.

2016

Editais iABCD
O Programa Todos Aprendem começa a ser disponibilizado para secretarias municipais de Educação via edital.

Todos Entendem
Criação de conteúdo sobre dislexia voltado para pais e familiares de crianças com dislexia.

Centro de Referência UFRN
Início do apoio técnico e financeiro ao centro de atendimento especializado em dificuldades de aprendizagem na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Projeto pela Primeira Infância
Em parceria com a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e a Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal (FMCSV), o iABCD implementa o projeto-piloto de formação de Educadores pela Primeira Infância. O desenvolvimento do conteúdo também é apoiado financeira e tecnicamente pelo instituto.

Guia de Boas Práticas
Conteúdo desenvolvido em parceria com centros de excelência em avaliação e acompanhamento de pessoas com dislexia. O objetivo é orientar especialistas sobre as melhores práticas nacionais em diagnóstico e intervenção da dislexia.

Entendendo a Dislexia
Curso on-line e gratuito desenvolvido pela British Dyslexia Association é traduzido e adaptado pelo iABCD. O conteúdo é disponibilizado para todos que pretendem entender mais sobre a dislexia e abraçar essa causa.

Cartilha: Entendendo o Desenvolvimento Infantil
Conteúdo desenvolvido pelo Núcleo de Pesquisa em Neuropsicologia, Afetividade, Aprendizagem e Primeira Infância da Universidade Federal Rural de Pernambuco (NINAPI-UFRPE) é diagramado e disponibilizado gratuitamente pelo iABCD com o objetivo de apresentar o desenvolvimento infantil e a forma como ele impacta o processo de aprendizagem.

2017

Entendendo a Discalculia
Curso on-line desenvolvido pelo iABCD para professores do ensino fundamental que explica o desenvolvimento das habilidades matemáticas, apresenta as dificuldades que podem ser encontradas no processo de ensino e oferece dicas para sala de aula.

2018

Série de vídeos Todos Entendem

Vídeos curtos produzidos a partir do conteúdo do Todos Entendem para pais e familiares de crianças com dislexia.

2019

Comunicação digital

O Instituto ABCD investe em conteúdo digital para aproximar o público da causa da dislexia e dos transtornos da aprendizagem. Além da reformulação do website institucional, o perfil @iabcd no Instagram conquista mais de 15 mil seguidores – entre os conteúdos de maior alcance, estão vídeos e textos curtos esclarecendo dúvidas comuns e dando dicas. 

Lançamento do EduEdu

O Instituto ABCD lança, em dezembro, o aplicativo EduEdu, solução gratuita para alunos com dificuldades em leitura e escrita.

2020

Crescimento do EduEdu

O aplicativo é a área de maior investimento do iABCD em 2020. Em seu primeiro ano de funcionamento, marcado pela pandemia de covid-19 e pelo ensino remoto, o EduEdu mostra-se uma ferramenta importante para famílias e professores: 

• 310 mil alunos cadastrados entre janeiro e dezembro.

• 1 avaliação de leitura e escrita realizada a cada 3 minutos

• Lançamento da Educação Infantil, para crianças de 4 e 5 anos

• Lançamento do Espaço Socioemocional,  área dedicada a ajudar as crianças a reconhecer, nomear e conversar sobre suas emoções, com atividades gratuitas para imprimir e recomendações para os adultos apoiarem o desenvolvimento emocional dos pequenos. 

• Lançamento de atividades digitais, uma nova funcionalidade dentro do aplicativo que torna a aprendizagem mais acessível.

 

  • Todos Aprendem

O curso, lançado em 2012, é disponibilizado gratuitamente em março, alcançando 6.661 professores em 2020 –  o maior número de educadores formados pelo programa em um único ano.

 

Curso de atualização Desvendando os mistérios da dislexia

O iABCD convida especialistas de diferentes instituições de pesquisa do Brasil e do exterior para evento on-line gratuito durante a Semana de Conscientização da Dislexia 2020, cujo tema é “Desvendando os mistérios da dislexia”. A ação tem 1.490 inscritos, recorde na história de eventos realizados pelo iABCD na Semana da Dislexia. 

 

Ebook sobre os impactos da pandemia 

O Instituto ABCD convida especialistas para escrever um livro eletrônico sobre a aprendizagem de pessoas com transtornos de aprendizagem durante e após a pandemia. Voltado a pais e educadores, o e-book “Covid e transtornos específicos de aprendizagem: possíveis impactos e estratégias de enfrentamento no pós-pandemia tem 1.333 downloads (até março de 2021).

 

Ebook explica o desenvolvimento da leitura, escrita e matemática

Em parceria com pesquisadores e especialistas da área de aprendizagem, o iABCD apoia a produção e divulgação do livro eletrônico gratuito Leitura, escrita e matemática: do desenvolvimento aos transtornos específicos de aprendizagem. Com linguagem acessível e conteúdo atual, a obra tem 2.082 downloads (até março de 2021).